As Cadeiras Estão Ficando Vazias

118
As Cadeiras Estão Ficando Vazias
(Reynollds A Cabral)
 
Sabe leitor, cadeiras nas calçadas, no inicio da manhã e no final da tarde também é paisagem de interior. Apreciamos contemplar o nascer do sol e o seu pôr. Inicio e despedida de mais um dia de vida, dentre bilhões, que esse planeta já experimentou, “dançando” as glórias de Deus.
 
Quantas conversas, quantos sorrisos, quantas alegrias!
 
Muitas cadeiras na cidade de Itaporanga estão ficando vazias. Uma cadeira que nos deixou saudades e que não sai da nossa mente foi a “cadeira de balanços” da inesquecível “Dona Bila”, que morava na eterna Rua Pedro Américo, palco dos sonhos, traquinagens da molecada de então, hoje todos casados, provando das suas cadeiras. Atualmente, lá, nem há cadeiras e tampouco a casa. No lugar está um excelente prédio do empresário Leonan, com lojas e muitos apartamentos para serem vendidos que não ficam atrás dos outros da cidade. Itaporanga está diferente. Dizem que ela cresceu, está crescendo. Não sei se há muita vantagem.
 
Duas cadeiras, não menos especiais, foram as dos inesquecíveis CHICO GUIMARÃES E DONA TOINHA, sua esposa. Mulher serena, religiosa ao extremo, como a minha avó, “ católicas” por natureza. Por vezes parava junto aos dois, quando descia a Pedro Américo e tratava de temas espíritas. Aquiesciam, mas nada os demoviam da sua fé. Se bem que a Doutrina Espírita não tem o objetivo de atrair adeptos e todo aquele que se sente feliz, satisfeito com a sua fé, deve-lhe fidelidade. O Espiritismo é para quem quer algo mais. “Qualquer coisa” nos une e não comporta desavenças que é a moral do mestre Jesus, que se aplicada, o céu teria chegado á Terra. Mas, ainda, o nosso orgulho e egoísmo são que ditam as regras. Mas, já foi pior e a vida não tem pressa, nem Deus, somos imortais.
 
Ainda na Pedro Américo, estou a lembrar a velha cadeira do meu saudoso Pai Ademar Augusto, homem de poucas palavras, mas que sempre se esforçou para dar o melhor para sua família. Quantas vezes ficávamos sentados á beira da calçada, apreciando o movimento da “segunda avenida “ mais importante da cidade, a Pedro Américo. Era dia 20, ao longe podíamos divisar o “frenesi” da procissão do “Meu Padim Padre Cícero”. Fogos de artifícios, balões, girândolas, bandas de pífanos, a cidade alegre, festiva. Os caboclos e as caboclas visitavam a cidade nesse dia. Os clubes ficavam cheios, muita festa, forró. O tempo também levou essa paisagem de interior.
 

Uma cadeira que não mais existe é a de João Ferreira, que tinha um filho com limitações mentais, como a minha tia, mas que sempre sentava á frente de sua casa para ver o movimento. Seu João era um homem sereno e formou os outros filhos. Também não há nem a casa. Perdemos o contato com a família.

 

Na vida é sempre assim, estamos sempre nos despedindo e tudo é impermanente, por isso que é importante não perder a oportunidade de servir, saber, amar. Receberemos cem, por um, como diz o evangelho.

 

São muitas cadeiras vazias. E as dos seus, leitor?
 
Nunca me esqueço da velha “Cadeira preguiçosa” do meu avô, Antônio Augusto, que com seu radio de pilha vermelho esperava as ondas da velha Rádio Tabajara chegar por essas bandas, quando o “sol descia”, se despedindo de todos. O velho charuto entre os dedos. Hoje ouvimos as radios do mundo , com excelente qualidade, pela “net”.
 

Quem não se lembra da cadeira da nossa inesquecível “Dona Branca”, lá de cima, da rua, , do começo da Rua Pedro Américo, ao redor outras cadeiras como a do escritor Paulo Conserva. Deviam acontecer altos papos. Dona Branca lia muito e sempre me confidenciava que gostava dos meus artigos, ficava lisonjeado.

 

São muitas cadeiras se esvaziando…
 
A última cadeira vazia que observo por esses tempos é a do meu vizinho Miguel. Todos os dias, ao amanhecer, era a sua primeira ação, colocar a sua velha cadeira na calçada, alimentar a “cachorrada” e os gatos de rua e apreciar a paisagem do lindo e poético sertão.
 
– BOM DIA, MIGUEL?!
– Bom dia Reynollds.
 
Com esse cumprimento matinal o dia corria sem atropelos.
 
Todos nós estamos deixando as nossas cadeiras e por isso é importante refletir em torno do tema, para que possamos apreciar mais, sentir mais e viver mais, não apenas existindo. É certo que seguiremos , mas esse momento é único, nessa conjuntura, nessa encarnação, nesse contexto.
 
É por isso que o bíblico diz: “ só se morre uma vez”. Tá certo. Estamos nos despedindo desse corpo, desse RG, desse CPF, dessa posição social em que nos encontramos para continuar a vida que não cessa nunca. E tem gente mais para lá, do que para cá, como também, gente que mesmo pensando que ficará mais por aqui, logo nos deixará, pois o dia ninguém sabe. Tudo que é material é impermanente e só o espírito segue.
 
As cadeiras estão ficando vazias…
 
PENSE NISSO! MAS PENSE AGORA MESMO
……………………………………………………………………………………………………………………..

Comentários
Anilda Maria Silva
Anilda Maria Silva · 15 amigos em comum

Linda Renolds .Parabéns ávida nos trás lembranças agradáveis mas nos deixa muita saudade
Betania Machado Veiga
Betania Machado Veiga O modelo dessa cadeira lembra meu amado Pai. Lindo texto, hj as cadeiras na calçada que é típico do interior está fazendo medo, os assaltos cresceram muito em nossas cidades.

CurtirMostrar mais reações
Teka Lacerda Lacerda
Teka Lacerda Lacerda · 27 amigos em comum

Nossa!!! Quantas cadeiras vazias… q conseguiram preencher “toda” a minha mente… povoar de saudades, o meu coração, inundar os meus olhos de tanta emoção e habitar em mim “todas as recordacoes”!!!
E mergulhada nesta reflexão, vislumbrei nitidamente está visão…
É bem vdd, tantas cadeiras vazias… tanto espaço nas calçadas… tantas faltas de bom-dias… Boa tarde… Boa noite… tudo isso foi embora… kd aquele “encontros”… Os “bate-papos” … As fofocas atualizadas… ou mesmo aquelas “mentiras bobas”… As histórias ampliadas… Os casos inventados… e o prazer de “jogar conversa fora…” como dizia meu velho Dedeu… “prozear de noite deixa a gente mais maneiro pra dormir…” por falar “nisso”, kd a “cadeira do meu pai e a de seu Esmerino Lúcio, ali na 13 de maio??? Aí q Saudades me dar…
1
Teka Lacerda Lacerda
Teka Lacerda Lacerda · 27 amigos em comum

Kd aquelas “cadeiras… na calçada de Luzia Conserva?!!!
“Nosso mais tradicional ponto de encontros… ”
“Aí q saudade me dar… dos bate-papos, os “disse-me-disse”… bem maior do q o espaço é a SAUDADE!!!


Leave a Comment

Filed under Uncategorized

“Vovô Miguel Partiu”.

Miguel e meninasPENSE NA VIDA !
………………………………………………………………………………………………
“A morte foi tragada pela vitória. Onde está, ó morte, a tua vitória? Onde está, ó morte, o teu aguilhão”
Até logo, Miguel Alves
 
…………………………………………………………..
“A morte foi tragada pela vitória. Onde está, ó morte, a tua vitória? Onde está, ó morte, o teu aguilhão”
( Reynollds Augusto)
 
Sabe leitor, hoje o dia foi “pesado” e parecia não acabar mais. Agora compreendo a sua relatividade, tão defendida pelo grande Einstein, que tinha uma inteligência acima da média. O tempo existe, sem existir; pode ser curto, mas pode ser longo, assim. O dia hoje durou “um século”, mas logo passou. Entendeu leitor?
 
Depois de tudo, reintegração de posse, viaturas da polícia militar, batedores, o sol causticante desse sertão poético, moídos e mais moídos e tudo mais, ao voltar para casa, tivemos que levar o meu vizinho, “Vovô Miguel”, ao hospital, só não sabíamos que seria a sua despedida do plano material.
 
É por isso que, leitor, o dia ninguém sabe e a vida tem uma dinâmica própria, sendo que cada uma terá que pegar esse “Ônibus de volta”a qualquer momento. E não adianta você defender que tem uma saúde de ferro, pois isso não quer dizer nada.
 
O fato é que nossa temporada por essas bandas é curta, mesmo chegando a setenta e três anos, como “vovô Miguel”… E dos cem também e olha que tem gente voltando com bem menos tempo. Tem gente que nem vinga. E tem gente se preparando para voltar á carne, pela reencarnação, com um medo “da peste”. Está difícil viver por essas bandas.
 
De uma coisa temos certeza: Ninguém aqui ficará e estamos todos na contagem regressiva, indo e voltando até não precisar mais voltar. Pense numa “peleja”.
 
– (Choros)
– Papai quem, agora, eu vou chamar de vovô? Não é justo.
– Você tem, agora, três “vovôs” no plano dos espíritos. Vovô Domes, Vovô Demar e agora “Vovô Miguel”
– Mas, não é a mesma coisa. Quem vai me ensinar matemática? (…)
 
Morrer, leitor, é mudar de lugar. Deixamos o corpo para seguir a vida, que não cessa nunca. Ainda bem. O difícil é a ausência da presença física, relativa, pois eles, quando possível , podem estar presentes. Mas, de uma forma ou de outra ela, a morte, sempre nos pega de surpresa, pois nunca estamos preparados para esse momento e ninguém quer se preparar para tal evento. Quando ela chega nos sentimos culpados de não ter amado mais, aproveitado mais, sentido mais. É natural.
 
A “prisão ao corpo”, por mecanismo instintivo de sobrevivência, faz-nos crer que nós somos o corpo e, na verdade, não somos o corpo, estamos usando um corpo. É claro que tem gente que se suicida, mas aí é um caso de desequilíbrio emocional e logo vem a surpresa, continuam vivos.
 
Sabe leitor eu já quase morri. Estava mais para lá do que para cá. Tinha tudo para morrer e não morri. Dias e dias em coma, depois de um grave acidente de moto quando retornava da cidade sorriso, ao tempo em que estudava Direito.
 
Vou te contar um segredo: Vivi no plano empírico tudo aquilo que estudava nos livros espíritas. Tem pessoas, que não é o meu caso, que tem alguns sentidos a mais, alem dos físicos, a isso chamamos de mediunidade. Como não a possuo ostensivamente, pois podemos tê-la ou não, apesar de todos nós sermos mais ou menos médiuns, viver essa realidade é importante como reforço de vida. O “cabra” volta menos orgulhoso e aprende a ser menos egoísta,aproveitando mais os detalhes simples da vida, que é o que interessa.
 
Eu sempre digo, brincando, que todo ser deveria passar por um estado de “ quase morte”. A experiência prepara você mais do que uma vida de religião, principalmente, dessas, das ilusões.
 
Ao tempo do meu acidente, “vovô Miguel”, “chegou junto” e ajudou a minha família. Tinha – o melhor tem- um coração grande. Mas, chegou o dia dele partir, libertar-se do corpo doente. O reencontro é coisa certa, pois estamos todos a caminho.
 
Tudo isso me fez relembrar Joana de Angelis, uma “guerreira” do saber, que já passou por boas, em várias reencarnações para defender a causa do Cristo. Diz ela:
 
“… Ninguém conseguirá driblar a morte, por mais que o intente.
Pensa com freqüência e tranqüilidade na tua desencarnação.
Considera que o momento ,por mais distante se apresente, chegará fatalmente.
Recorda os teus desencarnados com carinho, envolvendo-os em ternura e orações.
Fala-lhes mentalmente a respeito da realidade na qual se encontram e de como se devem comportar, procurando o apoio dos seus guias e proteção do Senhor da Vida.
Morrendo e retornando logo depois, Jesus cantou o hino da imortalidade gloriosa que culmina a sua trajetória na Terra de maneira insuperável”
 
“INTÉ” MAIS “VOVÔ MIGUEL “
 
PENSE NISSO! MAS PENSE AGORA MESMO
…………………………………………………………………………………………………………………………

Rivaldo Moura

Rivaldo Moura Meus sentimentos á família e aos aproximados.

Edigley Alves Sousa Alves Sousa

Edigley Alves Sousa Alves Sousa Um camarada de poucas conversas, grandes amigos e exemplo de cidadão para todos. Descanse em paz Miguel!

Oscar Bezerra

Oscar Bezerra Meus sentimentos a familia , era um grande homem e que Deus o coloque em um bom lugar ..

Lucia Gomes de Freitas

Lucia Gomes de Freitas Meus sentimentos à familia enlutada e minha solidariedade à minha amiga Yanne Alves

Arlister Lacerda

Arlister Lacerda Sinto muito.

Aparecida Conserva

Aparecida Conserva Até logo

Patricia Ferreira

Patricia Ferreira Meus sentimentos a toda família!

Rosims Araujo

Rosims Araujo Bela homenagem ao vovô Miguel, viu suas bebês crescerem, lhes dando todo amor e carinho de um avô do coração! Os meus sentimentos! Descanse em paz Miguel.

Herbene Dantas

Herbene Dantas Meus sentimentos

Roberta Pereira Da Silva Caiana

Roberta Pereira Da Silva Caiana Meus sentimentos. Uma tristeza

Sérgio Márcio
CurtirMostrar mais reações

·

Sérgio Márcio Gente muito boa!!!

Kleia Coelho
CurtirMostrar mais reações

Kleia Coelho Homem de ouro esse miguel; prestativo, educado… meus sentimentos a todos

Gildete Pessoa
Gildete Pessoa Homem de bem, fará muita falta.

……………………………………………………………………………………………..

Valdizia Carvalho-Biva

Valdizia Carvalho-Biva Parabéns pelo reflexivo texto e pela carinhosa homenagem ao vovô Miguel!!! 👏👏👏👏

Ercilia Herminio

Ercilia Herminio Meu Deus como acreditar que seu Miguel não está mais aqui ele sempre educado avô de muitas mocinhas na treze de maio o que falar do senhor só tenho que agradecer a Deus por ter nos deixado fazer parte da vida do senhor por termos sidos vizinhos meus cancerosas fotos de pesar a toda família fica em paz seu Miguel hoje o céu ganha mais um anjo Saudades eternas

Alessandra Araujo Lima

Alessandra Araujo Lima · 243 amigos em comum

Vdd uma pessoa educadissima
Maria Oneide Araújo

Maria Oneide Araújo Comovente,mas extraordinário texto.Sábias palavras. Parabéns pela homenagem a Miguel era uma pessoa simples de coração nobre

Auxiliadora Auxi

Auxiliadora Auxi Muito lindo

Cesar Nitao

Cesar Nitao Belo texto

Sônia Maria

Sônia Maria · Amigo(a) de Ercilia Herminio

Olha que belo texto de despedida de um nordestino Sirlei Rodrigues
Ercilia Herminio

Ercilia Herminio Esse nordestino e uma jóia rara minha galega a inteligência parou nele

 ………………………………………………………………………………………………………………………..
Dos ASFITA- Associação dos Filhos de Itaporanga, em João  Pessoa

A ASFITA manifesta o seu mais profundo pesar pelo falecimento do conterrâneo MIGUEL ALVES NETO (MIGUEL DOS CORREIOS), ocorrido hoje (16/11) no Hospital Distrital de Itaporanga. O velório está sendo realizado em sua residência, localizada na Rua 13 de Maio, e o sepultamento acontecerá amanhã às 16 horas, no Cemitério Municipal Mãe de Misericórdia.
Na oportunidade presta suas sinceras condolências aos familiares e amigos por tão grande perda.

 ………………………………………………………………………………………………………………………
Gutemberg Ventura Farias

Gutemberg Ventura Farias Meus sentimentos.

Marilurdes Moura

Marilurdes Moura Sentimentos a toda família

Joseane Brasilino

Joseane Brasilino Meus sentimentos!

Delucia Ventura Paiva

Delucia Ventura Paiva Meus sentimentos a toda família, pois tenho um sentimento de amizade por todos desde a minha adolescência, considero-os como meus familiares também, estou muito triste e sem palavras por tamanha perda.

Dja Lemos

Dja Lemos Deus acolha em um bom lugar e conforte seus familiares.

Maria Vangnê Rodrigues Mangueira

Maria Vangnê Rodrigues Mangueira Que Deus conforye toda família.Desde minha adolescência que tenho um grande carinho por todos dessa família, sempre me senti da família..É uma perda irreparável…

Roberta Pereira Da Silva Caiana

Roberta Pereira Da Silva Caiana Meus sentimentos a todos os familiares e em especial a amiga Yanne Alves

Vera Lucia

Vera Lucia Meus pêsames

Sérgio Luiz Sérgio

Sérgio Luiz Sérgio Meus sentimentos à família

Ivaldo Lúcio

Ivaldo Lúcio Meus Sinceros Sentimentos a toda Família

Edigley Alves Sousa Alves Sousa

Edigley Alves Sousa Alves Sousa Nossos sentimentos a toda a família do amigo Miguel, e que Deus os conforte nesse momento de dor.

Elzanira Ventura

Elzanira Ventura Alguém pode informar se Miguel que faleceu e o irmão de Anilda?

Delucia Ventura Paiva

Delucia Ventura Paiva É sim Elzanira

Delucia Ventura Paiva

Delucia Ventura Paiva Morava aqui perto de minha casa

Inês Carvalho

Inês Carvalho Meus sentimentos a toda família.

Divany Pinto

Divany Pinto Meus sentimentos a sua esposa Maria José e filhos, aos seus irmãos José Alves, Rivaldo AlvesMarlene Alves e demais familiares, que Jesus lhe dê o conforto por tão grande perda e que Jesus o receba no seu Reino Sagrado!

Rubivania Lima

Rubivania Lima Meus sentimentos a toda família.

Maurizete Alves Carvalho

Maurizete Alves Carvalho Meus sentimentos aos familiares

Ruan Aureliano

Ruan Aureliano Meus sentimentos a toda família 🙏🏻

Simião Alves de Carvalho

Simião Alves de Carvalho Meus pêsames a família enlutada.

Elzanira Ventura

Elzanira Ventura Meu sentimentos a toda família

Expedito Leite

Expedito Leite Profundos sentimentos à toda família enlutada.

Maria Gomes

Maria Gomes Meus sentimentos a família enlutada.

Marluce Pereira de Sousa

Marluce Pereira de Sousa Meus sentimentos.que Deus conforte toda família…

Maria SuelenaCirilo Feitosa Feitosa

Maria SuelenaCirilo Feitosa Feitosa Nossos sentimentos a toda família.

Edna Pinto

Edna Pinto Meus sentimentos

Gizeuda Pinto

Gizeuda Pinto Meus sentimentos a toda família e descanse em paz Miguel e Deus o receba no seu reino.

Francilda Araújo

Francilda Araújo Sinceros pêsames aos familiares.

Gerlani Farias

C

Gerlani Farias Um ser humano extraordinário meus pêsames a todos familiares

Sérgio Márcio

Sérgio Márcio Meus sentimentos à Maria José e filhos !! Homem muito descente, Miguel!

Siomara Leite
Siomara Leite Nossos sentimentos à família de Miguel que partiu para morada eterna.
Deus confortará os corações enlutados.

Antonio Vicente Santos

Antonio Vicente Santos Meus pêsames a todos os familiares que Deus o tenha em um bom lugar.

Amauri De Almeida Cavalcanti Amauri

Amauri De Almeida Cavalcanti Amauri Os pêsames da família Almeida cavalcanti

Detinha Lemos

Detinha Lemos Meus sentimentos a familia que deus o conforte e muito triste a separaçao😌😢

Detinha Lemos

Detinha Lemos Vai com deus Miguel descance em paz😢

Remover

Geovania Araújo

Geovania Araújo Minhas condolências à família!!!

Ana Maria

Ana Maria Meus sentimentos a toda família.

Helma Lemos Vigó

Helma Lemos Vigó Meus sentimentos a família!

Leda Zuquinha

Leda Zuquinha Condolências a toda familia!

França Silva

França Silva MEUS SENTIMENTOS, À TODA FAMÍLIA.

Gildete Pessoa

Gildete Pessoa Muito triste,meu compadre,Deus lhe dê o repouso eterno.

Maria Maria

Maria Maria Meus sentimentos aos familiares

Maria De Lourdes Leite

Maria De Lourdes Leite A família enlutada meus pêsames

Lucia DE Fatima Amaro Terto Nena

Lucia DE Fatima Amaro Terto Nena Meus sentimentos aos familiares e amigos deus comforte seus corações descanse em paz.

Zilma Teixeira

Zilma Teixeira A família meus pêsames. Miguel seja acolhido pelos anjos a presença do Criador👼👼👼

Laudecy Dantas

Laudecy Dantas Meus pêsames a família descanse em paz !

Lourdes Ricarte

Lourdes Ricarte Que Jesus Cristo o tenha em Seu Reino e conforte o coração de toda família.

Glória Vieira Ramalho Lemos

Glória Vieira Ramalho Lemos Lamentável, Miguel sempre foi um exemplar cidadão, correto, trabalhador e amigo. Enviamos aos familiares, através de Maria José e filhas, o nosso pesar, por tão grande perda . Que o Pai Celestial o receba no Seu reino 🙏

r

Edvaldo Pinheiro

Edvaldo Pinheiro Meus sentimentos à família.

Giltanea Herculano Morato

Giltanea Herculano Morato Meus sentimentos!Que Deus conforte o coração de todos os familiares.

Maria Creusa Lacerda

Maria Creusa Lacerda Meus sentimentos a família!

Ildefonso Alves De Carvalho Alves

Ildefonso Alves De Carvalho Alves Meus sentimentos a toda família.

Nísia Raquel

Nísia Raquel Meus Sentimentos á todos da família.Esposa, filhos,irmãos.Descanse em paz

Adriana Andréa Rodrigues

Adriana Andréa Rodrigues Nossos Sentimentos à todos da Família!!! 😢um grande abraço Maria José! Preta🙍🏾

Marlene Alves

Marlene Alves Miguel Alves Neto, Miguel dos Correios , Miguel para irmãos e irmãs , Bé para mim e minha irmã Adalia. Sempre agradeci a Deus por minha mãe e meu pai não terem sentido a dor de perder um filho . Esqueci de pensar como seria a dor de perder um irmão querido. Pensei erradamente que seria mais fácil encarar essa realidade . Não , definitivamente não é nada fácil . Éramos oito os filhos de D. Anita e Sr. Severino. Até ontem essa era nossa referência . Oito partes formando um todo : os filhos de mãe e pai. Agora somos sete . Faz falta, Bé. Faz tanta diferença , sabia ? Hoje , confesso que estou cultuando a ilusão que não aconteceu. Nesse momento só sei que ir a Itaporanga , chegar na calçada de uma casa na 13 de maio , sentar numa cadeira de balanço e não lhe encontrar não tá sendo fácil . Agradeço a ASFITA e a todos vocês pela solidariedade, e sobretudo , pelas declarações sobre a integridade , bondade e grandeza desse filho de ITAPORANGA . Meu irmão , presente ! Sempre.

Ricardo Crisanto

Ricardo Crisanto Meus sentimentos!

Valdizia Carvalho-Biva

Valdizia Carvalho-Biva Meus sentimentos de pesar aos irmãos, esposa, filhos e a todos os familiares, prima Marlene Alves. Recebam meu abraço de solidariedade, neste momento difícil da inesperada partida do nosso querido Miguel. Que Jesus o acolha no Seu Reino.💙

Lourdinha Olinto

Lourdinha Olinto Meu abraço de pesar para você Marlene Alves e família. Eu sei o quanto é difícil esse momento. Há oito dias, passamos por essa triste experiência pela nona vez. Sem palavras que traduzam meu sentimento, te desejo PAZ e que Deus esteja com vocês.

Marlene Alves

Marlene Alves Lourdinha Olinto , grata , amiga. Sei o quanto é difícil .

Lúcia De Fátima Figueiredo

Lúcia De Fátima Figueiredo Solidariedade a Maria José e toda família

Marlene Alves

Marlene Alves Grata , Lucia .

Sávio Brandão

Sávio Brandão Deus conforte o coração de todos da família.

Adalia Lacerda

Adalia Lacerda O céu ganha mais uma estrela e Deus ganha mais um anjo. Aqueles que amamos nunca morrem no coração daqueles que os amam. Seguimos te amando e perpetuando as lições valiosas que ele nos deixou. Nossa família agradece a todos pelas condolências.

Lucia Koopman Jansen

Lucia Koopman Jansen Nossos sinceros sentimentos a todos os familiares e amigos. Sabemos que essa dor não é fácil suportar, mas Deus há de dar conforto a todos nesse momento triste.

Eurismar Moreira Dos Santos

C

Eurismar Moreira Dos Santos Meus sentimentos,minha querida.Deus te conforte,juntamente à todos..

O sempre Miguel de Anita !!!

Marlene Alves

Marlene Alves Sim, Mazinha . Sempre o filho de D. Anita .

Marcia Olinto Olinto
Marcia Olinto Olinto Lamento!!
Meus sentimentos.
Passamos por esse momento difícil, só em Jesus para superarmos. Que Deus conforte o coração de todos. Fé e força!!
🙏🏻🙏🏻🙏🏻

Marlene Alves

Marlene Alves Grata , Marcia. Compreendo a dor de vcs.
………………………………………………………………

MERLANIO M BARBOZA
merlanio@gmail.com
187.64.35.101
Adorei a crônica, Rey.
Lindo demais.
Abraços

Merlanio Maia

 


Leave a Comment

Filed under Uncategorized

“O Fogo do Inferno” ?!

Fogo do inferno“O  Fogo do Inferno”?! 

(Reynollds A Cabral)

Sabe leitor, o dia de hoje no Judiciário de Itaporanga foi corrido. Na verdade não existe um dia que não o  seja, mas ás terças-feiras o “caldo engrossa”. A nossa sociedade ainda dá muito trabalho, fruto do desconhecimento, da falta de educação, que o Estado ainda não sabe dar. Talvez de propósito. Uma sociedade politizada é sempre um perigo, “para eles”.

O Estado instrui e mal, mas não aprendeu a ensinar o cidadão “a ser cidadão”, nem permitir a justiça social, materialmente falando,  que são  nortes constitucionais. Mas, tudo tem seu tempo, que nem existe, como o concebemos. Quem disse isso foi Einstein, uma das maiores mentes pensantes que já surgiu por essas bandas.

O danado é que sempre estou sendo selecionado para  auxiliar o magistrado nesse dia e já tenho que  me preparar psicologicamente para cumprir os atos urgentes.

 Não está dando para ir á “Sopa Fraterna” que acontece,também,  todas as terças, no CEJN, de Itaporaga.  Esse é um projeto antigo da nossa inesquecível Dona Maria, que desencarnou, mas deixou o seu legado.  Alimentamos o corpo  dos carentes. A sociedade de Itaporanga sempre contribuiu, mas é preciso alimentar a alma, pois todo o resto fica por aqui mesmo, principalmente as ilusões.  Sempre alguém é designado para “dar uma palavrinha” aos assistidos e eu estou, involuntariamente, falhando.

DONA MARIADona Maria   vivia o amor fraternal, aquele ensinado pelo Cristo, o maior que já esteve entre nós. Quem “leva o projeto adiante hoje é a trabalhadora  EVA do grande ‘ANTÔNIO DE EVA”, com a sua linda e inteligente filha. Trabalhadores do bem. Fé de verdade é o bem em ação. Há muitos blá, blá, blás, todo mundo querendo “se salvar”  e pouca contribuição. Segundo J.C a “fé sem obras é morta”.

1Manol20046702_514430238888508_6994701623680656091_nTalvez  eu “culpe” o meu amigo Manoel, que faz as escalas de plantões. “Cabra” inteligente, politizado.  Mas não, pois a ordem nas “hostes”  da nossa comarca é democrática e justa não há nem perigo à facilitação, privilégio ou tudo mais.

Dr EugenioO fato  é  que hoje, numa ação conjunta, de todos os servidores  da nossa comarca, especialmente os colegas que trabalham no centro  desse organismo vivo, que são  os analistas  e técnicos judiciários, sob a orientação da  “cabeça,” do  grupo,   Doutor EUGÊNIO, nós descartamos muito lixo, coisas  inúteis, acumuladas pelos  juízos.  Um peso da incoerência humana.

Facas, facões, foices, canivetes, velas, perfumes vencidos, fogos de artifícios, revólveres de brinquedo, usado como instrumentos de assalto, que dava para enganar até os mais conhecidos no assunto e tudo mais. E,  ainda, tem muito por descartar e até doar ás instituições de benemerência de Itaporanga.

 Está sendo feito. Estamos ficando leves, “como leve”, mas eficaz, deve ser toda  jurisdição.

O descarte aconteceu   na “fornalha do meu amigo Junior”. E como sempre, no final, o ato sempre cai nas mãos do Oficial de Justiça, materializador de todas as decisões. As mãos, os pés,os ouvidos  e os olhos do juiz . 

 Agradecemos ao município de Itaporanga que fornecera  carro, como também,  servidores para ajudar nessa ação. São os poderes unidos para o bem da população.  Outra rima.

Mas, o que é que isso tudo tem a ver com inferno? Explico: É que são mais de 16 fornos, cada qual podendo atingir até mil graus centígrados. Se caíssemos naquele fogaréu não “sobrava” nem a  alma.  O nosso material potencializou o fogo, sendo  preciso dividi-los em outra fornalha, mas  no final deu tudo certo.

Vão nossos agradecimentos ao grande Júnior, que sempre nos ajuda no descartes desses objetos de crimes:   drogas, maconha, cocaína, ópio, morfina, heroína, crack e tudo mais, até velas.

A justiça comum  estadual é o termômetro de como anda uma parcela da sociedade, mas o bem é maior. Duvide não. É que o mal faz zoada e o bem é tímido.

Na verdade não há “fogo do inferno”. Inferno mesmo é o interior. Céu e inferno são expressões, metafóricas, que indicam que  as leis de Deus estão escritas na consciência de cada criatura, segundo os imortais.

 O “cabra” pode até  fugir do delegado, do juiz, do promotor, mas jamais fugirá de si mesmo, sendo preciso desfazer todo mal praticado, que, na verdade, é fruto da ignorância. E isso promove o inferno interior, com conseqüências somatizadas, impressas no outro corpo,  pois teremos que voltar ao palco terrestre para resgatar, desfazer os maus feitos e até contribuir para o equilíbrio geral,  é da  lei:

 “Ninguém poderá ver o Reino de Deus se não nascer de novo”.

Na verdade só temos uma vida, com muitas experiências na carne. A “salvação” demanda tempo sendo fruto da maturidade, que significa desenvolver  a  mente e o coração.

Essa imortalidade nos persegue.  Ainda bem.  Foi por isso que Jesus, o maior dentre nós, professor por excelência,  já dissera: “Conhecereis a verdade e ela vos libertará”

Que possamos seguir mais leves, sempre…

PENSE NISSO! MA PENSE AGORA MESMO.

Leave a Comment

Filed under Uncategorized

A Juventude do Cesb-Espírita de Boa Ventura Hoje “Viajou Em Cícero “

PENSE NISSO! MAS PENSE AGORA MESMO!
…………………………………………………………………………
A Juventude do Cesb-Espírita de Boa Ventura Hoje “Viajou Em Cícero “
(Reynollds Augusto)
Sabe leitor a vida vez por outra manda ao planeta Terra espíritos preparados, verdadeiros professores do saber, para dar uma oxigenada no pensamento coletivo, viciado por nossos egoísmos e orgulhos, que são as duas grandes chagas sociais. E todos os temos, mais ou menos. O “pulo do gato” é identificá-los e transformá-los.
A Grécia sempre foi o marco do saber e estavam adiante do seu tempo “anos luz”. Ainda hoje tentamos decifrar esses preceitos da vida, vida “que escorre pelas mãos”, foram enviados de Jesus para preparar o caminho .
De Roma herdamos os nortes jurídicos, que também são frutos da maturidade, do aperfeiçoamento. O Direito também evolui, á medida da maturidade social, coletiva, como também individual, que depende de educação, pois o todo sempre se faz de partes. O tema do domingo girou em torno dos livros, defendido como essencial para uma vida completa, segundo o pensador CÍCERO.
Não se fazem mais Gregos e Romanos como antigamente.
Hoje, no Cesb- Espírita de Boa Ventura, eu participei como ouvinte, de uma excelente aula do Professor Manuel Gomes, especialista em ciências da linguagem. O “cabra” sabe das coisas e o tema central girou em tornos dos livros.
Uma garotada jovem, inteligente, mas carente de tudo. Educar é missão e os louros sempre serão frutos do tempo, que nem existe como o concebemos. O papel do mestre, do professor, como Jesus, o maior deles, é semear. Se a semeadura dará frutos ou não, não nos compete, pois isso depende do terreno, mas semear é preciso.

Existem tipos de terrenos, de pessoas, de humanidades, todos seguindo em busca da evolução que é impulso peremptório, sendo preciso seguir. Como cem anos não dão para nada, temos a imortalidade para isso e o fim, de todos, é a perfeição, que implica o desenvolvimento da razão e do sentimento, sendo as duas asas que nos levam á plenitude, que as religiões têm um apelido jocoso: SALVAÇAO.

Mas, é preciso nos salvar de nós mesmos, da nossa ignorância espiritual. Confesso a vocês que se não tivesse encontrado a Doutrina Espírita pelo Caminho, seria mais um desses ateus sem causa. Faço minhas as palavras do Voltaire: “Eu acredito no Deus que criou os homens, e não no Deus que os homens criaram”. Esse também sabia das coisas.
Quem não gosta de ler, estudar, dificilmente conseguirá entender a “fé espírita”. O professor Manoel apresentou á garotada os livros que esteiam o Consolador, que foi prometido por Jesus, que nós sabemos ser a Doutrina Espírita. Duvide não! Estude.
Primeira fase Moisés; a segunda fase Jesus e agora a terceira, que vai fechar esse ciclo do aperfeiçoamento humano é o Espiritismo. Pois é.
Viaje leitor, sem sair do lugar e descubra as maravilhas da vida:
1. O LIVRO DOS ESPÍRITOS, a espinha dorsal do espiritismo. Lá as grandes questões da humanidade.
2. O Livro dos Médiuns, um Manuel experimental, investigativo, da vida fora do corpo.
3. O Evangelho Segundo o Espiritismo, onde estão as passagens morais de Jesus explicado a luz da filosofia e ciência espírita
4. O CEU E O INFERNO, um excelente livro que trata da vida transcendental, mostrando as conseqüências dos atos trágicos como suicídio, homicídio e tudo mais
5. E por fim A GÊNESE, que trata da formação dos mundos, criação dos seres animados e inanimados, dos milagres e muito mais.
Ah, os livros! Eles libertam, informam, indicam, norteiam, e faz-nos viver, de verdade. Nos tiram das escravidões modernas, mas podem nos aprisionar nas ilusões das letras. É preciso ir além, como diz um amigo, do coração: “ É preciso extrair o espírito das letras”.

PENSE NISSO! MAS PENSE AGORA MESMO

Leave a Comment

Filed under Uncategorized

Programa Pense Nisso.Vaso Escolhido

Programa Pense Nisso.Vaso Escolhido
                                                (Reynollds Augusto)

A proposta sempre foi auspiciosa , para não dizer eclética, universal. E isso já ha alguns anos, mais de dez.  Começamos com o Programa Música e Mensagem e o “afunilamos” para o “PENSE NISSO, RAZÃO E SENTIMENTO NA VIDA EM MOVIMENTO”. 

A idéia sempre foi levar ao ar temas da moral e ética Cristã, com base nos preceitos espíritas, que se traduzem numa espiritualidade mais racional, que  nos  aproximam da proposta de raiz de Jesus, o mestre dos mestres.  

Vai sempre ao ar de segunda á sexta, ás 17 horas, pela Rádio Boa Nova de Itaporanga (http://www.boanova87.com.br/)  e agora estamos levando os nossos temas ao mundo , pela Rede Mundial de computadores. Hoje os nossos celulares são todos rádios, TVs e, inclusive,  serve para nos comunicar, são computadores portáteis. E vem mais por ái.

Trata-se das maravilhas da tecnologia,  instrumentos, implementos à aproximação dos povos para uma vida feliz. Quando esse mecanismo estiver a serviço do bem a paisagem do planeta será outra.

Isso não é quimera, é profecia, pois segundo Jesus, o  médium de Deus,  “os bons herdarão a Terra “ . Duvide não! A vida não tem pressa e somos imortais, perdendo o corpo físico todos os dias. Ninguém aqui vai permanecer.

Quando o Bíblico diz que o homem só morre uma vez, ele está certo. É que  nós não somos, nós estamos.

Reynollds, com esse CPF, RG, Titulo de Eleitor e tudo mais e qualquer outra pessoa  só morrerá uma vez. Essa é uma das minhas personalidades, que objetiva formar a minha individualidade, o espírito, que representa a soma de muitas experiências existenciais. Uma só vida, com muitas experiências existenciais. Pois é.

Precisamos devolver á mãe Terra os elementos químicos que tomamos emprestados á formação do arcabouço físico, na “madrugada do tempo”. É justo. “O homem veio do barro e ao barro  voltará”.

O que nos cabe é, onde estivermos, contribuirmos  para o progresso,  sem nos deixar contaminar pela efervescência das ilusões  e desequilíbrios do mundo. O que nos cercam são mecanismos para o progresso e empréstimo de Deus,  como  a grana, posição social e tudo mais, que , na verdade, são engenhos de aperfeiçoamento, sendo tudo transitório. Até as carências são experimentos, que poderemos enfrentar mais á frente, ou não , dependendo do bom ou mal uso do que fizermos  desses instrumentos.

Mas, eu não sou o corpo físico. Eu sou um espírito imortal que está usando temporariamente um corpo físico,  nessa experiência social, que passa logo. Cada dia menos um dia.

Essa semana eu gravei com as minhas amigas Itália e Áurea de Piancó. As garotas são boas de bate-papo. Nós aplicamos o MUSICA E MENSAGEM NO PROGRAMA PENSE NISSO. Foi uma tarde agradável. A música escolhida foi  a do casal de irmãos mineiros, TIM E VANESSA, cujas músicas “exalam” emoção e sensibilidade. Chama-se “VASO ESCOLHIDO” e tem a ver com todos nós.

Somos todos chamados pela vida para que nos tornemos um “Vaso Escolhido”, como o grande PAULO DE TARSO, que ao contato mediúnico com o mestre Jesus,  na estrada de Damasco, mudou de vida.

É preciso “olha e ver;vouvir  e escutar” pois temos cada vez menos tempo e todas as ilusões ficam. Não podemos perder a oportunidade de crescimento moral, intelectual, espiritual. Resolvamos pelo progresso interior , pois cada vez mais ,  menos tempo por essas bandas e sejamos um “Vaso Escolhido”:

VASO ESCOLHIDO

No deserto das incompreensões o amor de Deus a nos chamar

A nos levantar das lutas humanas

E enxugar lágrimas de um mundo afã

Em Damasco, num portal de luz

O  inolvidável tecelão

Vai se encantar com a visão celeste,

se curvar ante o seu Mestre

Se ofuscar com a luz amiga e entender a razão da vida enfim

Por anjos de esferas sublimadas ao clarão que ofusca

Percorre os caminhos, acalma o gemido dos aflito

De todos irmãos pequeninos, dos sedentos de Deu

De amor, pois Tu és o meu Vaso EscolhidO

Necessário se faz amar, renovar-se no entendimento

Necessário é trabalhar, ser fiel no pouco e no muito

Necessário é esperar, a esperança é companheiro

Necessário é perdoar, o amor mais puro se doa

PENSE NISSO!  MAS PENSE AGORA MESMO

Leave a Comment

Filed under Uncategorized

A Maior Dor

O recomeçoPENSE NISSO! MAS PENSE AGORA MESMO

………………………………………………………………………

A Maior Dor

( Reynollds Augusto)

Nada incomoda mais do que dor de dente, principalmente quando ela começa á noite, ao dormir, e vara a madrugada. Dá uma sensação de que as horas estão mais largas. É uma dor diferente. Você já passou por isso leitor?

Mas, pior que todas as dores físicas são as dores morais. Essas ferem fundo a alma e nos acompanha até que possamos desfazer o mal feito. Isso tem a ver com a (s) lei (s) de Deus, que está (ão) escrita (s) em nossa consciência.

Na verdade “leis mesmo”, não estão escritas em um desses códigos para o a ajuste social, que ajuda, mas que, quase sempre não resolve. Já é um ganho.

Os movimentos constitucionalistas trouxeram a base da justiça, que se aperfeiçoa com o tempo. As nossas construções são sempre imperfeitas, refletindo a nossa condição. O que é natural , vem de Deus, a inteligência suprema do universo, causa primária de todas as coisas, sendo perfeito, não comportando ajustes, “emendas”. É que somos tão materialistas que não percebemos essa justiça funcionando em nossas vidas e creditamos á má ou boa sorte.

É por isso que é besteira pensar que se ficará impune á Jurisdição Divina, que existe, preexiste e sobrevive a tudo, pois somos imortais. Bobagem cometer bobagens. O “cabra” pode até enganar o “ Estado Juiz”, mas não consegue fugir nas leis naturais. Para seguir é preciso desfazer o mal ou contribuir para o bem, pois segundo o bíblico: “ O amor cobre uma multidão de pecados”.

Há uma certeza: “Não sairás daí, (da Terra) enquanto não pagares até o último ceitil. Isso é coisa certa, leitor. Ninguém morre só o corpo, mas podemos – o Espírito- seguir comprometido ou não.

Para desencarnar baixa está vivo e o dia ninguém sabe. A distinta “morte” vive a nos rondar, sendo preciso prestar atenção em derredor, mais saber e mais amar. Qualificar a vida com os bons sentimentos e pensamentos.

Segundo estudos o ser humano consegue emitir mais de 95 mil pensamentos por dia, sendo que a maioria deles está viciado, sendo preciso substituí-los. E isso só acontece quando resolvermos pela mudança de hábitos, de leitura, de ouvir e ver o que interessa, sem se esconder do mundo, pois Jesus, o “tampa do conhecimento” já dissera que “Precisamos ser do mundo, sem pertencer ao mundo”.

Sem falar nas influências, pois há muitos pensamentos que nos são sugeridos. “Orai e vigiai para não cairdes em tentação”.

É como diz Joana: “ O cosmo equilibra-se em parâmetros de harmonia inalterada, porque procede de uma causalidade inteligente que tudo estabeleceu em equilíbrio”. Há “uma ordem dentro da desordem” e tudo é causalidade. Duvide não leitor.

A rede social tem a proeza de espalhar as nossas felicidades e dores. É uma forma de expurgar as nossas pressões internas. Observamos e vibramos pelas experiências pontuais de cada amigo, familiar, desconhecido, que pulsa em suas experiências próprias. É o momento da fraternidade, do apoio, das boas vibrações. Aqui é um Pai amoroso que parte, deixando o arcabouço físico; ali um esposo que segue, “fora do combinado”, mas além um irmão, um amigo, que deixa a esfera física e nos permite o ensimesmamento, a reflexão. É preciso ter visão, pois o dia ninguém sabe.

Tudo isso me fez relembrar o “UM AMIGO POETA”, lá “da cidade de Catingueira”, em torno do recomeço. A vida nos permite sempre o recomeço, daí a reencarnação, que oportunidade bendita de renovação. Diz ele:

RECOMEÇO

Não tenhas medo

Do que ainda te surpreende,

Não tentes desvendar segredos

De coisas que não entendes.

Ainda não é a hora certa

Nem é chegado o momento,

Mas deixa tua mente aberta

Que vira o entendimento.

No início vai ser difícil

Mas sê paciente e crê,

Vale a pena o sacrifício

Pra alma não se perder.

Pra tudo Deus “tem um jeito”

No seu amor infinito,

Fazes o que é pra ser feito

Dizes o que é pra ser dito.

Olha bem pro horizonte

E firma bem o teu olhar,

Pois debaixo dessa ponte

Muita água vai passar.

Muitas duvidas surgirão

Procura a serenidade,

Serão muitos que rirão

Pois desconhecem a verdade.

Ouvirás muitos conselhos

Que o mundo de oferece,

Porém, já tens o espelho

Onde a verdade aparece.

Procura, pois dar de graça

O que de graça acontece ,

Nessa vida o corpo passa

Mas a alma permanece.

Tens nas mãos um bem raro

Procura não esquecer,

Te será cobrado caro

Se esse bem se perder.

Recebido pela médium AURELUCIA GOMES. Foi uma dica de comportamento mediúnico, mas serve para todos nós.

PENSE NISSO! MAS PENSE AGORA MESMO

 

 

Leave a Comment

Filed under Uncategorized

Programa Pense Nisso com Itália, Áurea, de Piancó e Jardel Amâncio

1P Nisso e Direito
PENSE NISSO! MAS PENSE AGORA MESMO

………………………………………………………………
Programa Pense Nisso com Itália, Áurea, de Piancó e Jardel Amâncio 
(Reynollds Augusto)

Sabe leitor faz três dias que não gravo o programa PENSE NISSO ( Todos os dias 17 horas, http://www.boanova87.com.br/). Fazê-lo ao vivo está cada vez mais complicado devido á correria da vida. Mas, estamos tendo à oportunidade de ouvir novamente as edições passadas, que são especiais é o “VALE A PENA PENSAR DE NOVO”, parodiando aquela emissora de TV, que todo mundo bate, mas ninguém deixa de vê-la.

Mas, combinei com os meus debatedores para, pelo menos, nos reencontramos nos estúdios da Boa Nova FM de Itaporanga e gravar o PENSE NISSO todas as sextas, pelas 17 horas. Refiro-me a Itália, a quem tenho um enorme carinho e ao meu amigo JARDEL AMANCIO, presidente do Centro Espírita Jesus de Nazaré, de Itaporanga. O “cabra” sabe das coisas.

Quem esteve conosco, nessa sexta, foi uma nova debatedora, a fotógrafa, que vê o que não vemos. Refiro-me a ÁUREA CRISTINA, que, no início, estava meio relutante em pegar o microfone, mas depois relaxou e mandou ver. Falar do amor e da verdade nos estimula.

O tema não poderia ser outro: O DIA DE FINADOS.
Sabe, leitor, não gosto muito desse termo: FINADO. A grande verdade é que a vida não termina nunca e principalmente a do espírito, que é imortal. Esse, quando o corpo morre, desencarna, sai do corpo e segue a sua vida em outra dimensão, mais quintessenciada, sutil. Para você ter uma idéia é mais sutil que o ar, que não o vemos e comparando ao mundo dos espíritos, é coisa grosseira. Mas, “né” disso que quero “falar” não.

Na verdade essa sexta foi um dia especial, atípico. Teve gente que até caiu da cadeira, que não suportou a sua energia. Mas, só foi um susto( risos).

Eu gosto de debater temas com ITÁLIA ZAGO, a mulher é universalista, sabe um pouco de tudo,, sem falar que tem uma voz cativante. É aprendiz da Doutrina Espírita, como eu e cada estudo e aprofundamento mais descobertas.

A grande verdade é que não sabemos de nada, ou muito pouco. Principalmente quando nos referimos ao mundo espiritual, a nossa próxima parada, não tem jeito. Confesso-te que se, no meio do caminho, não tivesse encontrado a Doutrina Espírita, o Consolador Prometido por Jesus, seria ateu. É que fica difícil entender esse “deus” da maioria das religiões, que tem mais defeito que eu. Faço minha as palavras do “Voltaire”, que era maçon.: “Eu acredito no Deus que criou os homens, e não o deus que os homens criaram”. Eu também.

Mas, morrer, morrer mesmo, ninguém morre. O corpo “morre ! e isso é justo, pois precisamos devolver ao planeta Terra os elementos químicos que tomamos emprestados à sua formação, na madrugada do tempo. Lembremos do bíblico: “ o homem veio do barro e ao barro voltará”. Entendeu leitor? 
A verdade é que eu não sou o corpo, estou usando, temporariamente, um corpo. Tudo que é matéria é transitório. Eu, você, esse, computador, essa cidade, esse Estado, esse país, esse sistema solar, essa galáxia estão se desgastando, mas isso não afeta em nada o mundo dos espíritos que existe, preexiste e sobrevive a tudo. Somos imortais, leitor. Você sabe o que é isso?

O certo é que depois da morte do corpo, vida; mais vida, a verdadeira vida. Duvide não. E todos nós somos iguais perante as leis divinas, DIVINAS. Essa expressão está positivada no nosso texto Constitucional, mas no direito social é uma igualdade relativizada, como, quase sempre, relativa é a justiça dos homens. Mas isso, também, será conquista do tempo e da maturidade.

Depois de muito debate, terminamos com o INÁCIO DA CATINGUEIRA, o UM AMIGO POETA, que estará já, já, com seu livro no prelo e fui convidado para prefaciá-lo. Estou honrado.

IGUALDADE DIANTE DA MORTE

Há homens que se acham fortes
Até orgulho exalam,
Esses, no entanto
Através da morte 
Aos seus irmãos se igualam.

A morte iguala o presidente 
Envolto numa bandeira, 
Àquele humilde servente 
Sepultado numa esteira.

Iguala o milionário 
Que vai num rico caixão, 
Ao seu irmão operário
Que é posto no frio do chão.

Iguala o Constituinte 
Que é manchete da Veja, 
Àquele humilde pedinte
Nas calçadas da Igreja.

Iguala também o doutor
Que vai deixar seu anel,
A seu irmão que é pintor
E que deixa só o pincel.

Iguala o irmão arquiteto
Que aprendeu a desenhar,
Ao irmão analfabeto
Que nem sabe “se assinar.”

Iguala o nobre juiz 
Vestido de capa preta,
Àquele irmão feliz
Que se livrou da sarjeta.

Iguala o embaixador
Velado na embaixada, 
Ao irmão agricultor 
Que vai deixar sua enxada.

Iguala o latifundiário
Que vai deixar sua mansão,
Ao irmão presidiário 
Que se livrou da prisão.

Iguala o rico fazendeiro
Que vai deixar suas terras,
A seu irmão carpinteiro 
Que vai deixar suas serras.

E o industrial elegante 
Que tanto dinheiro guarda, 
A seu próprio vigilante 
Que deixa somente a farda

Iguala o bom seminarista
Que abraçou o sacerdócio, 
Ao irmão vigarista 
Que de um assalto é sócio.

Iguala o bom cidadão
Que vive do seu trabalho,
Ao perigoso ladrão
Que é craque no baralho.

E Iguala a moça que luta 
Para ser simples e pura,
À vaidosa prostituta 
Que vive na noite escura.

A MORTE É COMO UM PORTADOR
MAS POR ESSE FENÔMENO ESTRANHO
OS HOMENS CHEGAM AO CRIADOR
“TODOS DO MESMO TAMANHO”

Recebido por LÚCIA, em reunião pública do CEJN de Catingueira.

PENSE QUE AQUI NINGUÉM VAI FICAR

Leave a Comment

Filed under Uncategorized

Pense Que Somos Imortais

1P Nisso e Direito
PENSE QUE SOMOS IMORTAIS

……………………………………………………

Convencionalmente, a cada segundo dia do mês de novembro dos anos que se sucedem, habituamo-nos a homenagear àqueles que partiram mediante o fenômeno “morte”… amigos que se quer, se despediram; entes queridos que representavam os nossos autênticos tesouros; mestres singulares que nos apontaram o rumo a trilhar.
Todos continuam vivos! alegrando-se com nossas conquistas e lamentando nossos fracassos e equívocos… façamos, o que eles mais idealizavam como elemento de progressão moral, partilhemos os seus anseios na certeza de que, o futuro nos aguarda e o que mais almejamos torna-se-á um dia realidade

                                                          ( Manoel Ferreira, de Boa Ventura)

Leave a Comment

Filed under Uncategorized

PENSE DIA DE FINADOS! Que finados?

finadosBOM DIA!
PENSE DIA DE FINADOS! Que finados?
……………………………………………………………………….
Dia de Finados!

Amanhã é dia de finados! Que finados?

Na realidade é uma comemoração celebrada pela Igreja Católica e que o Estado absorveu, alías quase todos os nossos feriados são de origem católica e isso vem de outros tempos, quando a igreja era o “próprio Estado”. A coisa mudou, se aperfeiçoou para melhor, mas os feriados ficaram. Ainda bem.

Mas, eu não gosto muito desse título, pois a palavra tem um significado materialista e faz referência a alguém que finou, ou seja, chegou ao fim, que está morto. Na verdade, mortos somos nós, “vivos” de ilusão , que perambulamos pela vida buscando as quimeras e não percebemos, sequer, um “palmo “ do que é a vida.

Freqüentamos muitas igrejas que, em sua maioria, são cegos conduzindo cegos e quando a morte do corpo chega, e ela está chegando todos os dias, pois estamos na contagem regressiva, é um desespero só.

O minicurso por essas bandas é curto e chega logo pois o tempo é ilusão.

Mas, para uma coisa serve: Pelo menos uma vez por ano os nossos parentes, que não estão, definitivamente, mortos são relembrados. Os cemitérios ficam cheios, muitas religiões realizando as suas manifestações e inclusive a Doutrina Espírita. É momento de espalhar mensagens “dizendo” que ninguém morre e que a morte é passagem para verdadeira vida. É que somos espiritualistas-materialistas. Os materialistas estão sendo produzidos nas igrejas da vida.

Tem gente até que defende que no dia do “juízo” o corpo se levantará do caixão, ressuscitará e viverá eternamente na Terra, feliz. E o pior o espírito fica dormindo até o dia do retorno. Pense num inferno”

Mas esse povo todo voltando á Terra seria um caos. Já imaginou, esse povo to do voltando? O coitado do planeta Terra não caberia tanta gente . Pior seria ver essa cena. Não teríamos nem condições de andar.

Sem falar naqueles que nem mais matéria existe. Seria uma dificuldade para recompor os átomos que os formaram. E aqueles que foram completamente incinerados? Seria um verdadeiro milagre , que não existe, como o pensamos, pois Deus não derroga as suas leias, perfeitas, magnânimas, que não comporta emendas.

E ainda falam até na “ressurreição dos justos” que no mais das vezes são os adeptos de tal ou qual religião. “Maiminino”!

Segundo Leon Denis, um dos pais da Doutrina Espírita, essa data específica de comemorações dos mortos é uma iniciativa druidas, que foram pessoas responsáveis pelos aconselhamentos, pelos ensinos jurídicos e filosóficos na sociedade Celta. Eles acreditavam na continuação da existência, mas com a vinda da Doutrina Espírita, que é Jesus de volta, passamos da condição de crença para certeza. Eu não creio eu sei. Há muitas crenças e poucas certezas.

Minha tia, a última de uma geração e que , por limitações mentais ficou comigo, depois de pedido de sua mãe, Maria Perpétua, antes do seu desencarne, sendo a “minha filha mais velha, com sessenta e dois e anos , sendo a “mais nova”, pela limitação pessoal, convidou-me para ir ao cemitério “arrumar”os túmulos e sempre vou. Virou um ritual para ela.

É um símbolo e gosto dos símbolos eles relembram momentos, experiências, “vidas vividas”. Racionalizar com ela em torno disso é impossível, mas , apesar das suas limitações, amá-la é quase obrigação. Mas, tem isso não. Quem ama, ama. Quem não ama, fingindo amar vive perdido sem roteiros e passa a caminhada sofrendo e fazendo sofrer, enganando, enganado está.

Mas aqui vale relembrar “ O LIVRO DOS ESPÍRITOS” um compêndio de perguntas e respostas das grandes questões da vida , do cão IX – Comemorações dos Mortos – Funerais

  1. Os Espíritos são sensíveis à saudade dos que os amavam na Terra? Muito mais do que podeis julgar. Essa lembrança aumenta-lhes a felicidade, se são felizes, e se são infelizes, serve-lhes de alívio.
  2. O dia de comemoração dos mortos tem alguma coisa de mais solene para os Espíritos? Preparam-se eles para visitar os que vão orar sobre os túmulos?Os Espíritos atendem ao chamado do pensamento, nesse dia como nos outros.

321 – a) Esse é para eles um dia de reunião junto às sepulturas? Reúnem-se em maior número nesse dia, porque maior é o número de pessoas que os chamam. Mas cada um só comparece em atenção aos seus amigos, e não pela multidão dos indiferentes

  1. b) Sob que forma comparecem e como seriam vistos, se pudessem tornar-se visíveis? — Aquela pela qual eram conhecidos em vida.
  2. Os Espíritos esquecidos, cujas tumbas não são visitadas por ninguém, comparecem apesar disso e sentem algum desgosto por não verem nenhum amigo lembrar-se deles? — Que lhes importa a Terra? Somente pelo coração se prendem a ela . Se não mais o amam, nada mais há que faça o Espírito voltará Terra Ele tem todo o Universo pela frente.
  3. A visita ao túmulo proporciona mais satisfação ao Espírito do que uma prece feita em sua intenção? — A visita ao túmulo é uma maneira de se manifestar que se pensa no Espírito ausente: é a exteriorização desse fato. Eu já vos disse que é a prece que santifica o ato de lembrar; pouco importa o lugar, se a lembrança é ditada pelo coração.
  4. Os Espíritos das pessoas homenageadas com estátuas ou monumentos assistem às inaugurações e as vêem com prazer? – Muitos as assistem, quando podem, mas são menos sensíveis às honras que lhes tributam do que às lembranças.
  5. De onde pode vir, para certas pessoas, o desejo de serem enterradas antes num lugar do que noutro? Voltam a ele com mais satisfação, após a morte? E essa importância dada a uma coisa material é sinal de inferioridade do Espírito? – Afeição do Espírito por certos lugares: inferioridade moral O que representa um pedaço de terra mais do que outro, para o Espírito elevado ? Não sabe ele que a sua alma se reunirá aos que ama, mesmo que os seus ossos estejam separados?

325 – a) A reunião dos despojos mortais de todos os membros de uma família deve ser considerada como futilidade? – Não. E um costume piedoso e um testemunho de simpatia pelos entes amados. Se essa reunião pouco representa para os Espíritos, é útil para os homens: suas recordações se concentram melhor.

  1. A alma que volta à vida espiritual é sensível às honras que tributam aos seus despojos mortais? – Quando o Espírito já chegou a um certo grau de perfeição, não tem mais vaidade terrestre e compreende a futilidade de todas as coisas Sabei porem, que freqüentemente há Espíritos que, no primeiro momento da morte gozam de grande satisfação com as honras que lhes tributam, ou se desgostam com o abandono a que lançam o seu envoltório, pois conservam ainda alguns preconceitos deste mundo.
  2. O Espírito assiste ao seu enterro?– Muito freqüentemente o assiste. Mas algumas vezes não percebe o que se passa, se ainda estiver perturbado.

327 – a) Fica lisonjeado com a concorrência ao seu enterro? — Mais ou menos, segundo o sentimento que provoca essa concorrência

  1. O Espírito daquele que acaba de morrer assiste às reuniões de seus herdeiros — Quase sempre. Deus o quer, para sua própria instrução e para castigo dos culpados. É nessa ocasião que vê quanto valiam os protestos que lhe faziam. Todos os sentimentos se tornam patentes, e a decepção que experimenta, vendo a rapacidade dos que dividem o seu espólio, o esclarece quanto aos seus propósitos. Mas a vez deles também chegará.
  2. O respeito instintivo do homem pelos mortos, em todos os tempos e entre todos os povos, é um efeito da intuição da existência futura? —É a sua conseqüência natural. Sem ela, esse respeito não teria sentido

E VIVA O DIA DOS VIVOS!

PENSE NISSO! MAS PENSE AGORA MESMO

 

Leave a Comment

Filed under Uncategorized

E o Palhaço, O Que é?

20171029_232552
BOM DIA!
PENSE NO CIRCO.
………………………………………………………………………
E o Palhaço, O que é?

Dizem que quando começamos a ficar ensimesmados quanto ao passado é sinal que estamos na metade do caminho da vida. É que a vida física, material, na verdade, é um momento na nossa imortalidade. Tem gente que não acredita nisso, na imortalidade, mas isso é coisa certa.

Desencarnar nós o fazemos muitas vezes e todos os dias. Estamos na contagem regressiva, sendo fenômeno natural no processo de evolução de cada qual, mas morrer mesmo, isso “cabavéi” nunca vai acontecer.

Desde que Deus, a causa, nos criou, segundo os imortais “simples e ignorantes”, não tem jeito, a peleja é grande para o desenvolvimento da razão e do sentimento. Mente e pensamento; Coração e cabeça; Inteligência e emoção. São essas as asas que nos levam á libertação.

Eita rimou!

20171029_232117Esse final de semana nós fomos ao circo, que está na cidade e creio que todos os itaporanguenses deveriam ir, pelo menos uma vez, para ajudar esses heróis do caminho, que ganham a vida nos fazendo sorrir. É uma vida difícil, ou não .

Um povo que vive na estrada retirando a gravidade do caminho, com seus filhos, suas esposas, sua família. No mínimo precisamos prestigiá-lo, não se preocupando com a forma, pois o que vale é o conteúdo. E eu sorri pacas. Eu, Williana, minha eterna gata; Julianna, Corrinha de Euclides e os seus dois príncipes, com direito a pizza e tudo. Foi um dia especial.

É preciso viver mais leve e se desvencilhar um pouco do terrorismo mediático, das falsas proposituras dessas novelas que não imitam, de fato, a vida e são, no mais das vezes, ditérios de autores que não entendem que o papel da televisão é, também, educar, preparar o homem para viver em sociedade, ser instrumento de uma proposta constitucional, objetivando ajudar o país a “instituir um real Estado Democrático, destinado a assegurar o exercício dos direitos sociais e individuais, a liberdade, a segurança, o bem-estar, o desenvolvimento, a igualdade e a justiça como valores supremos de uma sociedade fraterna, pluralista e sem preconceitos, fundada na harmonia social …

Que beleza! Para isso o Estado brasileiro foi criado. Pena que preâmbulo, constitucional, que diz tudo sobre a nossa nação, não tem força positiva, perante o Supremo. Eles não entenderam nada e a mídia não sabe para que veio. A má informação macula o cidadão, que por vezes não foi preparado para viver criticamente e segue imitando os equívocos.

As novelas ensinam a roubar, matar, traficar, enganar, trapacear. Bandido vira herói e tudo mais. Não é por acaso que estamos em desequilíbrio social e político. Mas, isso também vai passar…

Com as conquistas contemporâneas esses circos perderam o atrativo das pessoas, menos para mim, que sempre gostei de raízes e o circo sempre foi o gérmen da melhor arte, da felicidade, da alegria, auspícios de uma vida leve, nas imemoriais brincadeiras dos palhaços; das bailarinas, trapezistas, malabaristas, encenações, sendo momento de alegria.

Na “rede” as pessoas rebaixam a sua condição, comparando o nosso congresso a um circo. É uma comparação injusta, pois o circo é seara de alegria, de felicidade. E os nossos agentes políticos, deputados a senadores aos palhaços, outra injustiça, pois os palhaços são pessoas sérias que arrancam os sorrisos dos lábios e traz esperança ao coração.

Tudo isso me fez relembrar Charles Bukowski, o poeta e romancista estadunidense que veio da Alemanha:

“Todos nós vamos morrer que circo! Só isso deveria fazer com que amássemos uns aos outros, mas não o faz.

Vá ao circo!

E o palhaço o que é? Ladrão de mulher!

PENSE NISSO! MAS PENSE AGORA MESMO

Leave a Comment

Filed under Uncategorized